MKIT se destacou na Hackers to Hackers Conference no Brasil

MKIT se destacou na Hackers to Hackers Conference no Brasil

A empresa especializada em Segurança da Informação se destacou na conferência que reune em São Paulo os principais profissionais referentes do setor

A Mkit participou da 14ª edição da prestigiosa Hackers to Hackers Conference no Brasil. Além de formar parte do programa através da palestra “Registros médicos no mercado negro” brindada por seu CEO Matias Katz; a empresa teve um protagonismo especial diferenciando-se como sponsor do evento.

Katz mostrou como enfrentar este tipo de ameaça a segurança: “A correta combinação de processos de defesa, junto a execução de provas constantes e de mecanismos de detecção podem gerar uma diferença significativa no nível de exposição de qualquer tipo de organização”.

Como patrocinadores, membros do board da Mkit puderam ter acesso a espaços privilegiados onde foram gerados vínculos com outras empresas regionais, apresentando sua estratégia e serviços a nível mundial.  Dentro da oferta de produtos exibidos, se destacou a apresentação do Network Threat Alert.

Por outro lado, realizaram processos de recrutamento de novos talentos. Em quanto aos perfis selecionados, se efetivo a incorporação de um Back End Developer, Full Stack Developer e um Senior Security Researcher fortalecendo de este modo o staff regional da empresa.

Deste modo, novamente Mkit teve uma relevante participação dentro da H2HC na qual forma parte desde 2012.

H2HC vista desde dentro segundo os membros da Mkit

A equipe Mkit compartilhou em primeira mão suas impressões da experiência em São Paulo:

"A H2HC é uma conferência única, que apresenta speakers internacionais de primeiro nível, destes que somente participam de 2 ou 3 conferências em todo o mundo, únicamente por afinidade (sendo H2HC uma delas). Por outro lado, a conferência também oferece um espaço de discussão e aprendizagem aos estudantes e principiantes, com palestras de nível mais acessível e com um foco mais acadêmico, apresentadas em português (ao invés do inglês das palestras mais técnicas), e graças a colaboração de dezenas de comunidades (Hacker clubs como o Garoa -própria do Brasil-, conferências de outros países como Andsec -da Argentina-, e equipes de desafios técnicos que vem -por ejemplo, da Alemanha- somente para oferecer seu material aos participantes). Nos corredores se respira um ar de confraternização e amizade, onde se vê comprimentos e abraços, música, conversas técnicas, conversas não relacionadas com informática, e pessoas sentadas no chão em grupo, simplesmente relaxando. É uma das melhores conferências que eu conheço, nos 4 continentes onde participei de eventos do estilo".  Matias Katz, Chief Executive Officer de Mkit.

"Essa foi minha primeira visita a esta conferência, fiquei muito surpreendido com o espaço H2HC university. Me pareceu uma excelente ideia poder contar com atividades para os que recém começam na area de SI. Vale a pena destacar o nível técnico das palestras. Sem nenhuma dúvida é um evento imperdível para o próximo ano". Cristian Amicelli, Chief Operating Officer de Mkit.

"A H2Hc é uma conferência onde se respira um ar de amizade e diversão. Como minha primeira experiencia posso dizer com tranquilidade que aí ninguém se importa com profissão, cargo, quanto dinheiro uma pessoa ganha ou se você sabe muito ou pouco. Recebem a todos por igual e todos podem contribuir a sua maneira. As pessoas aprendem e se divertem. Esse é o espírito que só o Brasil consegue inspirar nas pessoas e que as faz querer ajudar e se unir e desse modo ao menos por um fim de semana esquecem de tudo o que não esteja relacionado com o evento. A H2Hc é uma das poucas coisas na vida que te fazem querer que um ano inteiro passe voando". Guido Katz, Communications Assistant de Mkit.

Comércio Eletrônico e segurança da informação: as empresas devem cuidar do usuário

Comércio Eletrônico e segurança da informação: as empresas devem cuidar do usuário

KRACK - Estamos seguros?

KRACK - Estamos seguros?